Imagens de Apoio? Prefiro palavras de Apoio!

rott1

Sinto muito pela família da criança, sinto muito pelo dono do cão e sinto muito pelo rottweiler.

Vendo a reportagem de capa do ‘Comércio da Franca do dia 31/05/2014 (sábado) resolvi comentar, pois quando acontece uma infelicidade de um cão atacar alguém as pessoas querem sempre uma opinião minha. Alguns ficam parados em silêncio olhando o que um “especialista” irá dizer, seja para apoiar ou “cair de pau” me chamando de idiota ou ignorante.

Muitos sabem que sou fiel naquilo que acredito pelo menos até que me provem o contrário. Tenho minha opinião formada e antes de obter minha opinião me baseio em fatos, vivência e isso tudo adquiro a cada dia. No meio em que trabalho vivencio situações do cotidiano canino onde algumas encaro com naturalidade outras com repudio. Respeito todas as opiniões, pois elas também foram formadas a partir de informações que a pessoa tem ou por vivência, mesmo que poucas ou pequenas. Mas o que se espera é que as pessoas tenham o bom senso de mudar assim que obtêm algo mais concreto do que elas tinham até formarem sua primeira, sua segunda ou terceira opinião. Como disse certa vez, no Brasil existem os experts de plantão que são especialistas no assunto do momento e as idiotices e o que vejo de comentários sem nexo são sem noção, como: “essa raça foi criada em laboratório”; “o rottweiler tem o cérebro grande demais e sua cabeça não comporta”; “esse cão é o demônio, eu vi num filme em que o demônio reencarnava nele”, e assim por diante.

rott

Uma emissora de TV me ligou solicitando um rottweiler para coletar imagens de apoio, poderia ser qualquer só tinha que ser da mesma raça e que era apenas para completar a reportagem. Sugeri que pegassem imagem de um ser humano qualquer representando a irresponsabilidade. Será que, quando um padre ou pastor comete pedofilia ou um politico é acusado de corrupção, eles pegam imagens do papa para usar de apoio ou de qualquer politico pra representar a corrupção? O ser humano acha que é Deus, julga, condena e mata o que lhes convém.

Um casal joga uma criança da janela de um apartamento, uma filha mata os pais dormindo, ladrões matam um bebê no colo da mãe porque estava chorando, são presos e logo voltam pra sociedade. Um cão mata uma criança e em 10 dias é condenado a morte. Agora muitos estão dizendo do alto do monte olimpo onde moram os deuses: adota ele Dino, leva pra viver com seus filhos! Sim, eu levaria, se tivesse mais espaço, pois eu, como adestrador, assim como muitos que os tem, sabemos os cuidados que devemos ter com certas raças. Pessoas que repudiam a raça são pessoas que tem acesso apenas as más informações, textos de repórteres bem redigidos com palavras fortes rebaixam a raça, formam opiniões e alienam a população.

Onde estava esta mídia a 15 anos atrás quando minha Rottweiler Kaoma fazia o trabalho de terapeuta, visitando asilos, cheches e hospitais? Onde estavam quando lancei meu livro contanto toda a histária dela? Com certeza atrás de sensacionalismo! Mal sabem eles que tive uma rottweiler sensacional.

Veja o vídeo e entendam um pouco mais do que estou falando:

Anúncios

Corre muito

running-whippet-dog-wallpaper

Às vezes muitas pessoas perguntam:
– Dino qual a velocidade de um cão quando ele vai atacar?
E eu sempre respondo:
– Depende o quanto ele quer te morder!

Mas temos o Greyhound, que é um cão de companhia, conhecido como o cão mais rápido do mundo. Atinge a velocidade de 65 km/h. Há relatos de cães em provas que atingiram incríveis 80km/h. Esta característica esta presente em todos os cães da família dos Galgos. É um cão carinhoso e de bom caráter. É amável com a família e gentil com as crianças. É um cão calmo, tranquilo e consegue ter um bom relacionamento com os outros cães e pets. Com os estranhos costuma ser reservado e tímido.

WhippetWhiteSaddled_wb

No Brasil, talvez por seu tamanho, os Greyhounds são menos populares que outras raças ‘aparentadas’, como o Whippet. Um dos primeiros entusiastas da raça foi Santos Dummont, que trouxe seus exemplares da França. Os primeiros criadores da raça, iniciam sua criação no Brasil nos anos 40, no Rio de Janeiro. Em comum os Galgos de origem milenar são ótimos cães de caça, donos de um tipo físico e temperamento muito especial.

Deixo aqui um vídeo desse maravilhoso cão em ação.

Cuidado, cão bravo! E dono irresponsável

placa-cuidado-cao-bravo-1Toda vez que entro no portal GCN ou em outro portal e me deparo com uma notícia de um cão que atacou um adulto ou criança na rua por irresponsabilidade do próprio dono, fico pensando nos motivas de uma lei para endurecer contra quem não tem responsabilidade em ter um cão de guarda.

Não é só pra quem tem pit bull ou rottweiler, mas sim pra quem tem cães agressivos e mal educados. Cães que possuem donos frouxos, lentos de raciocínio são incapazes de prever o perigo que tem em casa. Um cão que ataca alguém na rua quando escapa sofre mais punição do que aquele que é responsável por ele, no caso seu dono.

Ter um cão de guarda é como possuir uma arma e toda arma necessita de alguém treinado em porta-la, pois pode disparar e quando uma arama dispara pode ferir você, alguém de sua família ou terceiros. As pessoas têm de entender que um cão verdadeiro, não é um cão de porcelana. Cada um tem a sua personalidade e dela depende a educação e treino que se terá de dar, de modo a se tornar no seu melhor amigo, e não numa potencial arma.

Sem titulo

O que está faltando são leis bem elaboradas e diretas onde o dono responde criminalmente pelo ato do cão. Mordeu? Cadeia para o dono e indenização pra vítima e ponto final! Crime inafiançável. Assim as pessoas pensariam muito antes de possuir um cão de guarda e não providenciar sua educação. Iriam parar de comprar cães apenas pra massagear seu ego.

Uma casa que possui um cão de guarda, deveria ter um portão de contenção, onde o cão é impedido de aproximar do portão de saída da casa.

Ter um cão é uma responsabilidade muito grande, se não a possuem ou não estão dispostos a investir no animal, façam um favor, deixem de vaidades e não os tenham.

A arma mais perigosa do mundo é a ignorância.