Cheiro de cachorro

cao cheiro

Um dos problemas de se ter cachorro vivendo dentro de casa é o cheiro que fica no ambiente.

Nós que convivemos, já nos acostumamos, mas as pessoas que nos visitam às vezes deixam escapar um “nossa que cheiro de cachorro!”.

Segue algumas dicas de como resolver ou amenixar esse probleminha:

– Deixe a casa sempre ventilada, deixe o ar circular;
– Mantenha o cão com banhos semanais;
– Aspire a casa regularmente com aspirador de pó, assim vc retira todo pelo que fica nos cantinhos.
– Lave roupas ou tapete adicionando vinagre ou bicarbonato na lavagem;
– Os cobertores que seu cão usa pra dormir também devem ser lavados periodicamente.

Seguindo essas dicas você evita que sua casa fique cheirando cachorro, rs.

Anúncios

Glândula Anal ou Adanal

cao anus1

Todo cão possui duas Glândulas Anais. Elas são pequenos depósitos localizados um de cada lado do ânus do cão.

Essas glândulas contêm um liquido semi oleoso e tem o objetivo de espelhar o odor do cão por onde ele passa. Como ele é único, funciona como uma foram de identificação.

Apesar de ser um odor bem fétido, para os cães que se cumprimentam é como mostrar o RG por isso levantam a cauda para se cheirarem.

cao anus2

Mas por que na região anal? Simples, pois como o líquido da glândula funciona como RG do animal, quando o cão faz suas necessidades o ato de contrair o ânus libera o liquido fazendo com que ele marque o território.

Alguns cães apresentam problemas nessa glândula sendo necessário algumas vezes um intervenção cirúrgica em outros casos o uso de medicação para ajudar no tratamento.

Esse óleo pode ser liberado em demasia quando o cão passa por um momento de estresse, medo, alegria, susto ou angústia. Então, se você perceber algo de errado com o seu amigão, procure um especialista.

‘Dino, você doma cavalos’?

cavalo2

Nunca tentei, mas se tivesse tempo e local creio que conseguiria. Todo animal que um bom adestrador vai trabalhar tem que ser conhecido pelo mesmo e como dizia meu pai “o pai de burro está ali na estante, pegue para ler e fique sabendo”.

Ler e se informar é muito importante, principalmente quando se vai ao desconhecido e ter a humildade de dizer que não sabe. O que sei sobre cavalos é que o homem se comunica quase inconscientemente com ele. Pelo odor que exala.

Sei que, assim como lidar com cães, dependendo do seu estado de espirito, você libera odores que podem ser reconhecido por ele. Assim como o cão faz, impedindo sua aproximação e conquista do seu aluno, um cavalo pode ficar arredio ou agressivo dependendo do seu estado de espirito

Existe um proverbio que diz: “O homem confiante faz o cavalo confiante”. Os cavalos sentem o espirito do cavaleiro e reagem com ele. Um cavalo ao ser montado sabe perceber se o cavaleiro é experiente ou não somente pelos estímulos que este lhe passa. O cavalo possui células receptivas no seu dorso ou seja em todo corpo e reage a cada estimulo ou toque.

Afagar é uma forma de comunicação entre homem e cavalo, estreitando os laços de comunicação. Existem alguns tipos de doma, as mais famosas são a doma racional e uma que me chamou bastante atenção foi a doma índia, pela comunicação corporal entre o domador e o cavalo.

Veja o vídeo abaixo, muito encantador.

Pequenos prazeres

cao prazerQuem me conhece há tempos sabe que eu tinha uma rottweiler que adorava andar de carro, não podia ver um com porta aberta que logo entrava, colocava a pata pra fora parecendo aqueles policiais da Força Tática.

Ela adorava sentir o vento na cara enquanto a baba que saia de sua boca molhava o vidro da porta traseira. Isso mesmo, Kaoma adorava se sentar na frente, ao meu lado. Ali ela curtia o passeio. Entrava no carro sem ter que abrir a porta, bastava dizer “entra”, ela saltava pelo vidro. Mas qual o motivo desse prazer? Tem explicação?

Claro que sim! Os cães gostam de participar ativamente da vida dos proprietários. Como o carro faz parte da nossa rotina, eles querem estar juntos conosco, sem falar que os deslocamentos levam a lugares interessantes, como os parques. O vento produzido pelo veículo em movimento é um prazer à parte, como se as novidades do mundo entrassem pela janela do carro. Além refrescar, ele traz consigo odores variados, que ativam o sistema olfativo do animal, estimulando sua curiosidade e desejo por descobrir e conhecer coisas, pessoas e animais novos.

Cães que saem de carro apenas para irem direto ao veterinário tomarem vacina, costumam adquirir medo, pois sabem que vão ser levados para tomar uma agulhada. Então, não se assuste se um dia o cão pegar a chaves do seu carro com a boca e latir pedindo para vocês darem uma volta.