Educação

shutterstock_214586524

Fui chamado numa casa
Pra um comportamento corrigir
E lá fui eu dizer a sua dona
Como ela, deveria agir.

O seu cão um vira lata
Bem sapeca e esperto
Não adiantava mais dar tapa
pois corria até no teto

Me sentei e conversando
Sua dona ia dizendo
Não aguento este desmando
O que será que to fazendo?

Nisso entrou uma garotinha
Já correndo e gritando
Na sua mão uma bonequinha
Olhou pro cão e foi jogando

Enquanto eu tentava
Tranquilamente explicar
A criança só gritava
E a mãe desesperada
O que sabia era gritar.

Tentei por varias vezes
O assunto retomar
Já era o cão e a criança
Bem na sala de estar.

Respirei fundo
Aumentei o tom da voz
E num silencio de um segundo
Iniciei em tom feroz

Nunca vi tão despreparo
Numa educação familiar
Quase nunca eu reparo
Mas sinto muito lhe informar
A senhora, só terá dominio no seu cão
Quando sua filha EDUCAR.

Anúncios

Vamos passear, mas onde?

passeio1

Muitas pessoas me perguntam onde podem levar seus cães para passear.

Como cidadão você tem o direito de frequentar qualquer local que seja aberto ao publico e que não possua placas proibindo a presença de animais.

O parque de exposição – se preferir, a Expoagro – é um local onde muitos levam seus cães para passear, mas alguns reclamam que seus cães pegam muito carrapato, principalmente quando andam na grama. Para não ter que alterar o local da caminhada, você pode protegê-lo colocando produtos a base de Fipronil ou coleiras antipulgas e carrapatos.

passeio3

Outro local que os proprietários levam seus cães para passear é o Poli Esportivo, apesar de um placa proibindo a permanência de animais. Alguns cidadãos reclamam ou tem medo da presença de cães, enquanto outros são indiferentes.

passeio5

As praças de Franca também são locais agradáveis para levar o totó para passear, praça central, praça da Capelinha e a praça e o Bosque dos Angicos no Bairro São Joaquim também são ótimas opções.

passeio4

No litoral, existem praias que permitem a presença de cães, já outras não, ambas identificadas com placas (ou pelo menos deveriam estar sinalizadas).

Nas grandes cidades, as praças e os parques também são sinalizados quando proíbem a presença de animais. Em algumas existem os “cachorrodromos” locais específicos para os donos e seus cães passar. Neste local se mantém a politica de boa vizinhança, na qual os cães mais tranquilos se socializam e os mais nervosinhos ficam presos às guias, mas mesmo assim algumas brigas são inevitáveis.

passeio2

Bom, independente do local do passeio, segurança, respeito e educação devem ser SEMPRE levadas com vocês. Cuidados como recolher as fezes de seu animal sempre que este se aliviar, é obrigatório. Lembre-se: se saiu de seu cão, é seu também, rs!

Estalinho

Aqui em Franca já vi muitas pessoas passeando com o cão na rua e armados com um pedaço de pau. O objetivo e afastar cães de rua que tentam se aproximar ou até mesmo brigar com seus cães.
 
Bom, aproveito para dar uma dica de como manter os cães afastados, mas em que seja preciso machucá-los. Leve no bolso alguns estalinhos (biribinhas) – daquelas que estouram ao entrarem em contato com o chão – e assim que ver um cão se aproximar, jogue o estalinho no chão, repito, NO CHÃO, assim ele irá fugir.

Comprei um Rottweiler agora estou com medo dele me atacar no futuro

ro2
Recebi um e-mail de uma pessoa que diz que está com medo do filhote de rottweiler que comprou, e que quando ele começa a brincar de morder, eles ficam parados sem reação com medo de repreender e deixá-lo nervoso.

Antes de adquirir um cão devemos pesquisar muito e conversar muito entre família para saber se todos estão de acordo e em condições de participar da educação e bem estar do cão. Pesquisar sobre raça ideal para família e se ela vai se adaptar ao local também é muito importante.

Aposto que se deixou influenciar pelas coisas que ouviu falar na mídia. Garanto que se fosse um labrador você estaria agindo de outra maneira. Certo?

ro1
Ter medo ou receio é o pior comportamento que se pode passar a um cão principalmente se este for de guarda, se toda vez que ele morder a barra da calça de alguém e vocês ficarem parados com medo a tendência é ele achar que pode morder a calça sempre que quiser, e sabe o que vai acontecer?! As visitas que antes frequentavam sua casa vão sumir, sobrando apenas você e o cão (hehehe).

Ninguém quer chegar numa casa com roupa de domingo e sair todo babado e com a calça rasgada. Lembre-se que hoje ele tem cinco quilos ou um pouco mais. Amanhã ele terá 45 ou 50 quilos e imagine isso te pulando e mordendo mesmo que de brincadeira. Cães, sejam de qualquer raça, precisam de educação e liderança. Seja líder do seu cão e verá o quanto ele será feliz.

Paciência e persistência

1378860166_544297121_2-Fotos-de--Filhote-Sao-Bernardo

Telefone toca:

“Dino aqui é o (…). Eu tenho um cachorro e queria adestrá-lo”, fala a voz.
“O que você espera do adestramento?”, pergunto.
“Hum… O básico”, responde.
“O que seria este ‘básico’ para você?”, volto a perguntar.
“Então, queria que ele ficasse quietinho, tipo que mandasse deitar e ele ficasse ali até eu mandar sair”.

Isso é o que mais ouço quando a pessoa me liga querendo contratar serviço de adestramento. Quem tem um cão tem que estar sujeito às bagunças, pois são filhotes, estão conhecendo o mundo e ainda não conhecem a linguagem dos donos, ou seja, a linguagem da nova família.

cachorro-de-pelucia-que-respiramO que acontece é que nem todo mundo tem paciência para ter um cão e querem que cães de 60, 120 dias haja como cães de 5, 6 anos, sendo que alguns são eternos filhotes.

Tenha paciência, eduque e se preciso for, repeti. A paciência e a persistência são a chave do aprendizado para um cão. No mais, se não tiver a paciência, compre um cachorro de pelúcia, coloque-o num cantinho, dê o comando FICA e vai ver o quanto ele é obediente.