Sobre

GCN Comunicação

Biografia:

Ver perfil completo

 

12 pensamentos sobre “Sobre

  1. Olá dino bom dia gostaria de saber eu tenho uma pitt bull ela. teve a gravides psicológica e ela não ta entrendo no sil faz uma tres sil que não entra e também ela tá ela não qur brincar com Minguen depois que eu falei de arrumar um bebê ela ficou assimo qque eu possa fazer pra ela aceita essa situação muito obrigado. aguardo resposta.

  2. Dino, bom dia!

    Por favor você sabe me informar onde encontro coleira cão guia para deficiente visual?, vi algumas imagens no seu blog!
    Estou precisando com urgência e não consigo encontrar! Se possível me ajudar, agradeço!

    Até mais,
    Thaís

  3. ola tem como vc me ajudar tenho um aninhada de 5 filhotes de shitzu.. nunca tinha colocado minha cachorra pra cruzar… 2 dos filhotes esta roncando muito e com falta de ar.. o veterinario disse q ê pneumonia.. mas ja faz7 dias de medicamento e nada… o q eu faço me ajuda

  4. Bom dia Dino, gostei muito do seu blog,…
    Há uns 20 dias fui encontrada por um cão, rs, encontrada porque o vi numa rua próxima a minha casa, ele veio em nossa direção (estava eu e minha filha de 8 anos) parou em nossa frente e sentou-se, gosto muito de cães, fiz um cafuné e falei com ele, continuamos até nossa casa, para minha surpresa, eu abri o portão e ele entrou, minha filha chamou meu marido que se assustou na hora q abriu a porta, pois o cão e de porte gigante… RS.
    Expliquei q ele havia nos acompanhado, e dei agua e comida, e deixei-o descansar na garagem…
    Nos primeiros dias ele estava mais calmo, deixava ele sair na rua, pois o bairro eh bem tranquilo, mas depois de uns 3 dias, qdo o deixei sair, ele pulou num rapaz de bicicleta e puxando a roupa do rapaz e pula nos carros… (vi como brincadeira, mas meu marido classificou de ataque) não deixei mais ele sair… Como ele esta na garagem todo dia é uma aventura pra entrar e sair de casa… Ele mordisca meu braço que já ta todo roxo… Tento faze-lo obedecer mas ele não acostumou com o nome ainda… O chamo de Grandão… Preciso de ajuda… Já liguei pra diversas ongs, mas eles só ajudam quem dá o cachorro estrupiado pra eles… Não quero abandona-lo, nem devolve-lo a rua, já publiquei em diversos sites pra ver se ele tem dono, mas até agora nada…
    Li suas postagem, e espero q nos ajude também…
    Aguardo contato… Obrigado!

  5. Dino ,gostaria que vc pudesse entrar em contato comigo pois tenho um filhote de mais ou menos uns sete meses que está me dando um pouco de trabalho então gostaria de saber em relação ao adestramento se vc poderia nos ajudar nessa parte adestrando ele para nós.Obrigada

  6. Estou pensando em doar meu filhote de shytsu pois é só ele ficar sozinho ele come o próprio coco isso é nojento já levei ao veterinário e nada resolve não sei mais o que faço comprei de presente para o meu filho tenho medo dele adoecer e tbm penso se a filhotinha vai estranhar um novo lar !!!! Me ajude

  7. Bom dia. Somente hoje vim a conhecer seu blog que or sinal achei muito interessante. Bom, meu primeiro contato é para parabeniza-lo pelo trabalho muito útil, pois muitos não dão tanta importância aos animais, os quais merecem ser bem tratados, pois são seres vivos e com emoções e dores e são como nos, seres humanos e na verdade muito mais inteligentes que muitos humanos por ai. Gostaria também de aproveitar a oportunidade para pedir uma “ajudinha”. Bom, tenho um Pitbull, ela é dócil com pessoas, principalmente com crianças, mais nem por isso facilitamos, estamos sempre de olho, pois vai que ela acorda estressada rsrs. Então, ela detesta qualquer outro cão que se aproxime dela, ela quer morder e matar, acho que o que explica isso é que quando ela era filhote, um cachorro pequeno, porem já adulto judiou dela, acredito que por isso ela tenha esse trauma e não suporta a ideia de ver outro cão. Onde moro, meus vizinhos tratam dos cachorros que moram na rua, deve ter uns 6, e ela fica doida dentro de casa, late, roda, pula, fica totalmente brava e quer a qualquer custo matar os cachorros da rua. Por isso evitamos sair de casa com ela, levamos pra passear uma ou duas vezes por mês e sempre com corrente presa com cadeado, pois quando ela vê outro cachorro fica incontrolável. O que posso fazer para ela mudar um pouco esse comportamento, ela já matou uns três cães de rua em escapatórias. O que posso fazer também com os cães da rua, que não dão sossego. Espero que possa me dar algumas dicas. Muito obrigado.

  8. Dino, fale um pouco sobre o Fila Brasileiro. Há 17 anos que tenho essa raça convivendo comigo e só tenho alegrias. Por que as pessoas têm tanto preconceito, tenho que explicar sempre que minha filha de 10 anos tem total domínio sobre os dois, que não comem feito bois e não latem o tempo todo.

  9. Dino , tenho um labrador fêmea de 2 meses e 10 dias , e ela morde tudo pela frente, tento brincar com ela e ela me morde brincando além de morder minha roupa,paro de brincar e explico que não pode mas não adianta ela só sabe brincar mordendo.O que eu faço? é normal quando é filhote ou ela pode ser agressiva futuramente ?

  10. Olá Dino…estou desesperada, pois tenho uma cachorra com pouco mais de um ano, mas infelizmente ela já atacou 5 x minha filha de cinco anos, meu marido quer chamar o controle de zoonozes mas eu não, amo minha cachorra, mas amo mais minha filha. Por favor m diz o q eu faço. Obrigada

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s